Edifício no Príncipe Real

Remodelação // Refurbishment Lisbon / Portugal / 2015

12
12 Love 1,797 Visits Published

Este edifício do final do século XIX recebeu uma transformação maciça na década de 1950 conduzida pelo arquiteto modernista Raul Chorão Ramalho (1914-2002), que introduziu uma primeira grande mudança tipológica e estrutural na sua configuração original.

É sobre esta realidade que a actual intervenção ocorre, assumindo-se como a terceira parte de uma mesma biografia. A sobreposição de camadas que a excelência das duas intervenções anteriores forneceu foi muito clara, e tornou-se de alguma forma natural continuar o mesmo processo. Mantendo o uso da habitação, cinco unidades de construção com cinco tipologias diferentes foram cuidadosamente projetadas e novos espaços comuns foram configurados. Com base numa premissa de equilíbrio e precisão, desenho, detalhe e uma construção meticulosa, toda a operação atual converge para um princípio fundamental: a realização arquitectónica de um único objeto, em que as três vezes se fundem de forma natural e em harmonia com os recursos mais relevantes oferecidos por um programa renovado e um lugar extraordinário.

 

// 


This late 19th century building received a massive transformation in the 1950s conducted by the modernist architect Raul Chorão Ramalho (1914-2002), who introduced a first major typological and structural change to its original configuration.

It is on top of this reality that the current intervention takes place, assuming itself as the third part of a same biography. The overlapping of layers that the excellence of the two previous interventions provided was very clear, and it became somehow natural to continue the same process. Keeping the housing use, five building units with five different typologies were carefully designed, and new common spaces were set-up. Based on a premise of balance and accuracy-drawing, detail and meticulous construction, all the current operation converges into a fundamental principle: the architectural achievement of a single object, in which the three times merge together in a natural way, and in harmony with the more relevant features offered by both a renewed program and an extraordinary site.

 

Arquitectura: Filipe Mónica

Com: Helena Botelho

Colaboração: SIA Arquitectura, Ana Rita Martins, Ana Filipa Rosa

Estabilidade: Betar, Miguel Villar

Águas e esgotos: Betar, Jorge Pinheiro

Electricidade, Telecomunicações, Segurança: Energia Técnica

Gás: Energia Técnica

Ventilação e Climatização: José Galvão Teles

Comportamento térmico: José Galvão Teles

Acústica: Acustiprojecto, Luís Santos Lopes

Segurança contra incêndios: António Portugal

Construção: Monterg Construções S.A.

Fotografias: Daniel Malhão

12 users love this project
Comments
    comment
    user
    Enlarge image

    Este edifício do final do século XIX recebeu uma transformação maciça na década de 1950 conduzida pelo arquiteto modernista Raul Chorão Ramalho (1914-2002), que introduziu uma primeira grande mudança tipológica e estrutural na sua configuração original.É sobre esta realidade que a actual intervenção ocorre, assumindo-se como a terceira parte de uma mesma biografia. A sobreposição de camadas que a excelência das duas intervenções anteriores forneceu foi muito clara, e tornou-se de alguma forma...

    Project details
    Archilovers On Instagram
    Lovers 12 users